Como oferecer frutas e legumes no método BLW

Dra Camila Garcia

Dra Camila Garcia

O seu bebê completou 6 meses, você vai começar a introdução alimentar e quer utilizar o método BLW? Bem-vinda a esse método que promove a autonomia do bebê. Nesse artigo vou falar sobre essa abordagem e como oferecer as frutas e legumes.

Basicamente, você deve saber que o BLW é a sigla de Baby Led Weaning, que quer dizer desmame guiado pelo bebê. O método consiste em oferecer os alimentos em pedaços para as crianças comerem sozinhas. Algumas mães ainda tem um pouco de medo dessa abordagem. Isso é normal, porque elas acham que a criança pode engasgar comendo sozinha os alimentos cortados em fatias.

Se o bebê já está preparado, com os sinais de prontidão, a abordagem é totalmente segura. Então é só fazer o corte certinho dos alimentos e deixar o bebê conduzir o processo comendo sozinho. Além do contato com os alimentos e as diferentes texturas, este método promove a autonomia e a coordenação motora do bebê.

O BLW incentiva o bebê a comer, explorar e conhecer os alimentos com as próprias mãos. Não é preciso que ninguém dê a comida na colher e vem cada vez mais ganhando adeptos no Brasil e no mundo. 

O método não é novo, mesmo assim, muitas mães ainda tem medo de fazer a introdução alimentar através dele. Com informação e conhecimento você vai aprender mais sobre o BLW e ver se vale a pena ou não para o seu bebê.

É importante que você tenha confiança e transmita segurança para a criança. Afinal, a introdução alimentar deve ser tranquila e segura.

Como oferecer frutas e legumes

frutas e legumes no método blw

O preparo dos alimentos na abordagem do BLW é muito simples. Os legumes devem ser cozidos, na água ou no vapor. O mais importante são os cortes, que devem ser adequados e seguros.

No inicio os alimentos devem ser cortados no comprimento. É importante deixar o alimento cozido firme e, ao mesmo tempo, macio. Firme para a criança conseguir segurar e macio para ela comer e amassar com os dedos.

Veja também – Como fazer espinafre na introdução alimentar

Com o tempo, os cortes podem ser em pedaços maiores, pois a criança aprende a fazer o movimento de pinça (com o polegar e o dedo indicador), quando o bebê tiver 9 meses aproximadamente. 

Varie os alimentos. Independentemente do método, variar é importante para que o bebê tenha contato com o máximo de alimentos. Não são só frutas e legumes que podemos oferecer no BLW. Pode servir também carnes e verduras.

Alguns alimentos são mais difíceis para oferecer nessa abordagem, como por exemplo verduras: espinafre e couve.  Assim como com o arroz e feijão, você pode fazer em forma de bolinhos. 

Alimentos redondos devem ser cortados

Alimentos redondos, como tomate cereja e uva, não podem ser oferecidos inteiros. Eles devem ser cortados no comprimento ao meio também. Brócolis e couve-flor são excelentes alimentos indicados para o BLW. 

Mesmo que o bebê não tenha dente, você pode e deve oferecer os alimentos dessa forma. Eles mastigam com a gengiva e esse estimulo é fundamental para os músculos da face.

Alguns importantes são importantes para o bebê:

  • Ele deve ter 6 meses;
  • Ele deve ter todos os sinais de prontidão: sentar sozinho, ficar com a cabecinha firme e levar os objetos a boca;
  • O bebê nunca deve ficar sozinho enquanto come.

BLW: segurança é fundamental

Antes de mais nada, é importante ressaltar que segurança e confiança são fundamentais para uma introdução alimentar no método BLW. Sendo assim, você tem que buscar informação e estar preparada para dar início.

Veja também: Guia sobre introdução alimentar

Em primeiro lugar porque o bebê sente tudo o que você sente. Se você estiver com medo de engasgo, preocupada e insegura, a possibilidade de o seu filho não aceitar bem os alimentos é grande. 

Em segundo lugar, use essa abordagem porque você a considera melhor para você e para o seu bebê. Não faça o BLW apenas porque é moda ou porque a maioria das mães querem fazer também. 

Não existe melhor método, mas sim o melhor para vocês. Aquele que o bebê se adapta e aceita melhor os alimentos. Assim, se o seu filho já senta sozinho e consegue levar os objetos a boca, ele pode fazer a introdução alimentar através do método BLW.

Observar esses sinais é fundamental, em qualquer método. Isso mostra que o bebê está preparado para receber os alimentos com segurança.

A importância da introdução alimentar

Lembre-se que a fase de introdução alimentar é de aprendizado, na qual o bebê conhece os alimentos. O contato com eles, individualmente, com a textura, sabor, cor e cheiro são indispensáveis para o bom aprendizado e relacionamento com a comida.

Você vai começar a oferecer os alimentos para o seu bebê e ele não vai comer uma grande quantidade nas primeiras vezes. Isso é comum e esperado. Ele precisa se sentir seguro e conhecer o alimento para que coloque na boca e coma efetivamente. 

Com o BLW, a criança consegue regular a quantidade. Os bebês nascem com a capacidade de auto regulação e sabem o quanto é suficiente. Sendo assim, confie no seu bebê e deixe que ele coma a quantidade que quiser.  Ele não precisa comer tudo que você oferecer.

Não force ele a comer: deixe ele explorar os alimentos. Essa fase é exatamente para isso, para conhecer, cheirar, pegar, pôr na boca e cuspir. Na hora certa ele vai comer só depende de você estar segura e continuar oferecendo sempre

Além disso, o BLW não aumenta a chance de engasgos. Esse é maior medo das mães, porém, podem acontecer até mesmo com papinhas e líquidos. 

Por isso a questão da segurança é muito importante. Toda criança precisa se sentir segura para por o alimento na boca e experimentar. Então passe essa segurança e confiança para o bebê.

Compartilhar

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Deixe seu Comentário

Compartilhe e pergunte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quem leu este post leu também

Como fazer SEU BEBÊ GOSTAR DE TODOS OS ALIMENTOS

Todos os bebês que comem bem seguiram esse processo e você pode usá-lo a partir de HOJE